block

O Agito Brasil está presente em 32 cidades no Brasil. Confira!

Bia Falco (Edição 04) - Agito Araxa

Login
Entrar com sua conta no Agito
  1.  
  2.  
ou recuperar senha

Por que logar? Logado você pode participar de promoções, fazer comentários, compartilhar, recomendar, participar do Agito Live e muito mais.

Não é cadastrado? Cadastre-se!

Login

Para vincular sua conta da rede social você precisar ter o cadastro no Agito!

Mostrar a minha foto do perfil da rede social?
  1. Receber boletins me informando sobre os principais eventos da região.

Bia Falco (Edição 04)


Hoje o sentimento que citarei será, na minha opinião, o pior possível!

‘A inveja!

Não que eu nunca tenha sentido - ou não sinta. É claro que sinto, sou mulher, sou gente.

Mas sinto das coisas que realmente são necessárias sentir, não de você ou outro qualquer ali. Queria por exemplo ter cabelo de comercial de shampoo, apesar de saber que é tudo mentira e que as atrizes/modelos fazem escova e usam diversos produtos para dar um up no visual (evidente que nenhum deles é o anunciado). Também queria jogar uns quilos no ralo. E ter um popozão duro como o das panicats. 

Acho que o Eike Batista podia ser meu padrinho (não ia ser ótimo ter um jatinho a disposição só pra jantar no Fasano e depois voltar para a minha cama quentinha?). Queria escrever lindamente como a Claudinha Tajes e ser famosa como o Paulo Coelho. Queria a inteligência do Philip Roth e a delicadeza e profundidade do Caio Fernando Abreu. Queria a maturidade, sabedoria e calma de um monge budista. E o pique de um atleta (desde que não seja o Ronaldo. Hihihi...).

Querer, eu queria. Mas minha vida não é assim: meu cabelo apesar de naturalmente liso tem vontade própria, todo dia acorda diferente e em dias de chuva ele fica meio elétrico. Preciso adotar o lema dietas já. Meu popozão vai demorar a ficar duro como o de alguma panicat. Não tenho jatinho nem de plástico. Escrevo do meu jeito, meio certo, meio errado, meio meu. Não sou famosa. Minha inteligência às vezes faz greve. Minha delicadeza e profundidade muitas vezes fazem feriadão. Maturidade, sabedoria e calma só aparecem depois de alguns berros, suspiros e banhos gelados. Além de tudo, estou longe de ser atleta.

Sou quase normal, semi legal. Mas nunca desejei o mal. Não consigo odiar. Mesmo. E olha que já tive motivos para odiar algumas pessoas. Não odeio. Sinto raiva, sim. Então eu grito, brigo, xingo (a pessoa ou o vento). Depois passa. Depois vira poeira, vira nada. Tem coisa que sacode a gente que nem vento forte. Depois vai embora e deixa uma leve bagunça. A gente ajeita e fica tudo bem.

A inveja que sinto não é do mal. Não desejo o que o outro tem, não piso, não passo por cima de ninguém. Posso ter quinhentos e vinte e nove defeitos, mas nunca na minha vida passei por cima de alguém para me dar bem. Acho isso coisa de gente sem caráter. E caráter é uma coisa importante, aprendi isso desde pequena.

Acho que quando a gente nasce já tem aquela coisa do bem ou do mal. Por mais que você cresça e aprenda aquilo sempre vai ser mais forte, vai gritar dentro de você. E o que grita dentro de mim é uma coisa boa. Não tenho vocação para ser santa, mas procuro ficar em paz comigo e com os outros. Não tenho nenhum inimigo (pelo menos que eu saiba), mas sei que nem todo mundo é meu amigo.’ Porque amigo que é amigo não sente inveja das coisas boas que acontecem na nossa vida, não é mesmo galera???

 

 

Excelenteeeeeee feriado pra todos vocês!!! Sorte sempre pra nós! =)

 

 

Bia Falco

 

Contato: fabianafalco@gmail.com

Site: www.fabianafalco.com.br

Blog: www.fabianafalco.blogspot.com.br

 

 

Comentários
 Não Existem Mensagens

Deixe um Comentário

Para enviar uma mensagem, você precisa estar cadastrado

Faça o . Ainda não é membro? Cadastre-se

As mensagens serão liberadas em alguns instantes, após revisão de nossos editores.